segunda-feira, 12 de agosto de 2013

"Todos os Lagos descalçam o Silêncio" de Eugénio Trigo






escreve-te agora, meu amor. É o teu quarto a soro

este cortinado final de espuma,

este quartzo estonteante

que incendiará os cardos até

ao From Montiverdi

de Bach

Eugénio Trigo


Com responsabilidades na área da Contabilidade e Gestão, Francisco Eugénio Seixas Trigo, trabalhou sempre no seio das Instituições Particulares de Solidariedade Social.

Nos anos de 2011 e 2012, publicou o que escrevera no princípio da sua adolescência, em Angola A Lágrima dos Sonhos, e As Flores mais Impossíveis eram dos teus Lábios. É autor dos livros, As Gôndolas Nas grandes Luas de Plutão, Abril 2012, e de O Teu pulso é um dia de Chuva, Março de 2013. Tem vários poemas publicados em Revistas, e Antologias Literárias