quarta-feira, 23 de novembro de 2016

"Chá de Tília" de Maria Luz



“ Chá de Tília” não é um livro sobre tisanas, chás quentes ou gelados, tão pouco chás para emagrecer ou adormecer.
Então porquê Chá de Tília?

O nome surgiu porque gosto de chá e uma chávena de chá tomada só ou acompanhada convida a saborear momentos, memórias, intimidades.
E foi bebendo uma chávena de chá remexendo a velha caixa de recordações que encontrei muitas folhas escondidas.
E digo escondidas por terem ficado algum tempo dentro da caixa. Essas folhas são frases que ficaram soltas sem nenhuma conclusão. Foram escritas há tempos atrás e não tiveram qualquer destino.
E no meu “tesouro” descobri que havia alguma coisa de diferente. Era estranho o que estava escrito.
Algo de mim meio desencontrado, meio solto no ar. Viajei assim ao meu encontro e do meu passado.
Esse reencontro comigo fez-me entender a forma como o tinha escrito e porque o tinha escrito.
Se não houvesse esse reencontro continuaria apenas a ver as palavras desencontradas, no entanto verdadeiras.
Hoje não me vejo de todo como nesse tempo. Pude juntar e até mesmo cortar excessos, reformulando algumas poesias e isso deu-me um prazer enorme, sem dúvida maior que no tempo em que as escrevi.
Isso é o que acontece nas nossas vidas, coisas que esquecemos e guardamos. Um dia vamos buscá-las enquanto bebemos uma chávena de chá.

do prefácio de Maria Luz